O subsídio de férias é um direito dos trabalhadores por conta de outrem, com contrato sem termo ou a prazo. De acordo com a lei, caso não exista acordo escrito em contrário, deve ser pago antes do início do período de férias ou proporcionalmente em caso de gozo interpolado das férias.

O seu cálculo tem por base a retribuição base e outras prestações retributivas que sejam contrapartida do modo específico da execução do trabalho, estando sujeito a retenções para IRS e Segurança Social.

Assim, tendo em conta que estamos na altura do ano em que grande parte dos portugueses começa a gozar as suas férias, disponibilizamos-lhe um simulador de modo a ajudá-lo no cálculo do seu subsídio.

Alguma dúvida contacte-nos!


Notícias em destaque:

O RFAI, ou Regime Fiscal de Apoio ao Investimento, é um benefício fiscal que permite às empresas deduzir à coleta apurada uma percentagem do...

Visualizar vídeo
Regime Fiscal de Apoio ao Investimento (RFAI)

O consumidor optar por obter a sua fatura em formato digital, ao invés da tradicional fatura em papel, será a entidade emissora a...

Continuar a ler
Fim das faturas em papel... mas ainda opcional!

O trabalho desenvolvido pelo casal teve muito sucesso, e decorrente da crescente necessidade de resposta no mercado, em janeiro de 2017, o Manuel e a Cristina aumentaram a sua equipa. Contrataram a tempo indeterminado...

Continuar a ler
Case Study: Benefício fiscal sobre a criação líquida de emprego

Não raras vezes estes conceitos tendem a causar alguma confusão, pelo que importa esclarecer que se tratam de conceitos distintos. A diferença fundamental entre...

Continuar a ler
Gratificações de balanço vs Distribuição de resultados
Visite o nosso arquivo de notícias