Estamos no final do ano, e a sua empresa está prestes a “fechar” as contas de 2018. Assumindo que os resultados anuais vão ser bons, torna-se necessário tomar decisões ainda este ano, com o intuito de reduzir o IRC a pagar no próximo mês de maio.

Assim, decidimos partilhar consigo algumas sugestões de otimização que poderão fazer a diferença na “fatura fiscal” da sua empresa para o ano 2018. Selecionámos cinco opções para si:

Aquisição de viaturas

A aquisição de viaturas ainda este ano pode ter um impacto fiscal positivo na sua empresa. No entanto, tenha atenção à tributação especial que incide sobre algumas viaturas, pois em alguns casos pode não compensar.

Existe um conjunto de vantagens fiscais associadas à aquisição de viaturas menos poluentes, nomeadamente elétricas e híbridas plug-in. Consulte o nosso artigo completo sobre este tema e fique a conhecer qual a melhor opção para o seu caso.

Gratificações de Balanço

Os resultados da sua empresa são bons, e é sua intenção premiar a equipa pelo esforço e trabalho desenvolvido ao longo do ano? Pois bem, as Gratificações de Balanço são uma boa opção. Saiba aqui tudo sobre este tema.

DLRR - Dedução por Lucros Retidos e Reinvestidos

O seu negócio está a crescer, e é necessário fazer investimentos para potenciar ainda mais esse crescimento? Muito bem! Então e se esses investimentos lhe proporcionarem uma redução significativa no imposto a pagar? Melhor, claro! Consulte o nosso conteúdo sobre este tema e descubra como os investimentos que prevê fazer podem poupar-lhe impostos.

Remuneração convencional do Capital Social

A sua empresa está a crescer, e pretende expandir-se para novos mercados e conseguir novas parcerias que potenciem ainda mais o seu crescimento. No sentido de projetar uma imagem de solidez nos seus novos parceiros, é importante apresentar rácios financeiros sólidos. Posto isto, é sua intenção fazer um aumento de capital na empresa. É uma boa medida, sem dúvida! O que talvez não saiba, é que existe um benefício fiscal aplicado nestas situações. Veja o nosso artigo e fique a conhecer o que pode poupar.

Atribuição de Donativos

O papel social das empresas é cada vez mais valorizado. Daí que o apoio dado a determinadas causas e/ou instituições tenha também vantagens fiscais, como forma de incentivar as empresas a fazê-lo com maior frequência.

Com efeito, a sua empresa pode beneficiar de uma majoração fiscal, que pode ser de 20%, 30%, 40% ou mesmo de 50%, dependendo da finalidade prosseguida pelas entidades beneficiárias e do fim a que se destina o donativo. Na prática, supondo uma majoração de 40% para um determinado donativo, significa que 1.000€ doados correspondem a um “custo fiscal” de 1.400€ (ou seja, permite-lhe abater um extra de 400€ ao seu lucro fiscal).

Deixamos-lhe aqui 5 opções que poderão fazer a diferença na “fatura fiscal” da sua empresa. Escolha a que mais se adequa ao seu caso, aumente a eficiência fiscal da sua empresa e, caso tenha alguma dúvida ou questão, contacte-nos!



Notícias em destaque:

Entrou em vigor, no passado dia 22 de Agosto, a lei que proíbe transações que envolvam montantes iguais ou superiores a 3.000,00€. De uma forma resumida esta nova lei proíbe...

Continuar a Ler
Pagamentos em numerário - Já conhece as novas regras?

Marco Libório, partner da UWU Solutions e Autor do livro “Como poupar em impostos no imobiliário”, estará presente como orador...

Mais informações
Participe no 3º Workshop de Investimentos Imobiliários

O subsídio de férias é uma remuneração extra concedida aos trabalhadores por conta de outrem, com contrato sem termo ou a prazo e, de acordo com artigo, deve ser pago antes do...

Continuar a Ler
Subsídio de Férias - Experimente já o nosso simulador!

Obteve rendimentos de rendas e estava dispensado da emissão do respetivo recibo eletrónico, através do Portal das Finanças? Então, terá de entregar...

Continuar a ler
Já entregou a sua declaração anual de rendas?
Visite o nosso arquivo de notícias