Após tomar conhecimento dos benefícios sociais e fiscais associados à aquisição de viaturas elétricas e plug-in, a Silvia, gerente da empresa “Hipóteses Fiscais, Lda.”, decidiu adquirir um carro elétrico para a sua empresa.

Com um olhar no futuro, o seu objetivo é substituir o atual veículo a gasóleo, por um mais amigo do ambiente!

A Silvia adquiriu o atual veículo ligeiro de passageiros por 50 000€, em janeiro de 2015. Atualmente, e após alguma pesquisa de mercado, apercebeu-se de que o mesmo pode ser vendido por 25 000€.

Considerando que o atual veículo tem, para efeitos fiscais, uma vida útil de 4 anos, a Silvia contactou a UWU Solutions para esclarecer as suas questões e otimizar esta transação.

Desta venda surgiu um imposto potencial a pagar de 5 250€. No entanto, com o apoio da UWU, a empresa da Silvia irá pagar metade deste imposto.

Vejamos o impacto desta venda, nos resultados da “Hipóteses Fiscais, Lda.”!

Com a aquisição do seu veículo a gasóleo, registámos um custo de 50 000€, ao longo da vida útil do bem, ou seja:

quadro-01.jpg

A viatura está totalmente depreciada em 2019, isto é, já não tem valor contabilístico para a empresa. Mas, na declaração de imposto anual da “Hipóteses Fiscais, Lda.”, apenas será considerado como custo 25 000€ pois, o limite máximo anual aceite fiscalmente é de 6 250€.

Assim sendo, com a venda do veículo, a Silvia assume que existe uma mais-valia exatamente igual ao valor da venda, ou seja, de 25 000€.

Uma vez que na sua declaração anual, a empresa não deduziu o valor total da viatura, a dúvida que a Silvia coloca é:

  • Então, este lucro irá pagar IRC?

A resposta está diretamente relacionada com o valor de aquisição de cada viatura ligeira de passageiros…

Quando a Sílvia decidiu vender a viatura da sua empresa, esta estava amortizada em 50 000€. Mas, para efeitos fiscais, apenas foi considerado como custo 25 000€.

Assim sendo, se a viatura for vendida por 25 000€, há lugar a mais-valia fiscal e, consequentemente, 5 250€ de imposto a pagar!

No entanto, a UWU Solutions encontrou uma forma da “Hipóteses Fiscais, Lda.” pagar apenas metade daquele valor!

À semelhança da Silvia, muitas pessoas desconhecem esta situação e, em consequência, pagam imposto sobre a venda de veículos, na empresa.

Se está numa situação idêntica a esta, e tem dúvidas sobre a venda do seu veículo, contacte-nos!



Notícias em destaque:

Se, ao longo do ano de 2018, obteve rendimentos de rendas de imóveis e não emitiu o respetivo recibo, através do Portal das Finanças, está agora obrigado a...

Continuar a ler
Já entregou a sua declaração Anual de Rendas?

O Regime Fiscal de Apoio ao Investimento é um benefício fiscal que permite às empresas deduzir à coleta apurada uma percentagem dos investimentos realizados, nos exercícios de 2013 a 2017, em ativos tangíveis e intangíveis.

Continuar a ler
Regime Fiscal de Apoio ao Investimento (RFAI)

O Bernardo é diretor da empresa “MOS – My Own Shoes”. Uma empresa de calçado de luxo, localizada na região do Porto, com uma...

Continuar a ler
Quais os benefícios aplicáveis a contratos sem termo?

Entra hoje em vigor, a 1 de outubro de 2019, o novo prazo para a comunicação da sua faturação às Finanças. De acordo com a nova lei...

Continuar a ler
IVA e SAFT - Novos prazos a partir deste mês!
Visite o nosso arquivo de notícias