Se tem uma micro, pequena ou média empresa, a aprovação do Orçamento do Estado para 2020 traz-lhe boas notícias… um novo benefício fiscal!

Este benefício poderá representar uma poupança direta no valor de 400€ no IRC. Para tal, é apenas exigido um requisito: que a sua empresa obtenha o estatuto de PME.

"Mas de que benefício fiscal se trata!?" - Poderá questionar-se!

Esta poupança efetiva, deve-se ao facto de a taxa reduzida de IRC (17%) ser aplicada a uma fatia maior do lucro da sua empresa. Ou seja, em vez de a taxa de 17% incidir apenas nos primeiros 15 000€ (como acontecia até 2019), esta taxa reduzida é agora aplicável até aos 25 000€ de lucro sujeito a imposto.

Paralelamente, existe uma majoração para as empresas localizadas no interior do país. A estas, aplicar-se-á uma taxa de 12,5% (em vez de 17%) para os primeiros 25 000€ de lucro sujeito a imposto.

A Laura, gerente da empresa Poupança Simplificada Lda., gosta de se manter informada sobre a economia do nosso país. Recentemente, deslocou-se à UWU Solutions e obteve a informação de um novo benefício fiscal.Para esclarecer a Laura, apresentamos-lhe um esquema com a reflexão prática da aplicação deste benefício, na sua empresa. Vejamos…

No ano anterior, a empresa da Laura, obteve um lucro sujeito a imposto no valor de 50 500€. O seu imposto a pagar foi de 10 005€.

  • Aos primeiros 15 000€ de lucro foi aplicada uma taxa de imposto de 17% = 2 550€
  • Aos restantes 35 500€ foi aplicada uma taxa de imposto de 21% = 7 455€
  • Aos primeiros 25 000€ de lucro será aplicada uma taxa de imposto de 17% = 4 250€
  • Aos restantes 25 500€ será aplicada uma taxa de imposto de 21% = 5 355€

Este ano, se a empresa da Laura apresentar o mesmo lucro sujeito a imposto, teremos:

Como vemos, o seu imposto a pagar será de 9 605€, ou seja, menos 400€ de imposto, quando comparado com o período anterior.

Com este novo benefício, a empresa da Laura obteve, de forma garantida, uma poupança fiscal de 400€!

Se, a este benefício, adicionarmos ainda os prejuízos fiscais fiscalmente dedutíveis, os pagamentos por conta e os demais benefícios fiscais, o imposto a entregar ao estado poderá ser ainda menor!

Confira aqui, de uma forma prática, como é aplicado este benefício fiscal e, caso tenha alguma dúvida… contacte-nos!


voupoupar.pt - Livros essenciais para grandes investidores!

Notícias em destaque:

O Artur tem uma empresa e, resultante do processo produtivo da mesma, acumulou alguns materiais que considera resíduos e/ou sucata. Este material...

Continuar a ler
Aplicação do IVA na venda de sucata, resíduos e desperdícios

O Pedro e a Joana criaram o seu negócio há cerca de 4 anos. Naturais de Lisboa, foi aqui que decidiram avançar juntos para esta primeira aventura empresarial. O negócio vinha correndo acima...

Continuar a ler
Trespasse ou Venda da empresa [Enquadramento]

Na semana passada conhecemos a empresa “Case SA”, assim como a vontade dos seus sócios, Tiago e João, de autonomizar as diferentes áreas operacionais, estruturando o seu negócio numa lógica...

Continuar a Ler
CASE, S.A. - O início de um grupo empresarial [PARTE 02]

A Matilde é gerente da empresa “Provenpretty, Lda.”. Uma agência digital, especialista em design de comunicação, que tem...

Continuar a ler
Poupe na Segurança Social de novos colaboradores
Visite o nosso arquivo de notícias